Um guia para principiantes de ISO 14000

Tabela de Conteúdos

A International Organization for Standardization (ISO) é uma organização não governamental de base que procura contribuir para o desenvolvimento, fabricação e fornecimento de produtos e serviços mais eficientes, seguros e limpos e com o menor impacto possível ao meio ambiente. Em termos gerais, produtividade pode ser entendida como a relação entre a atividade produtiva e os meios necessários para alcançá-la. Esses meios podem ser do tipo tecnológico, humano ou de infraestrutura. E se falamos de manutenção industrial, temos que entender como ocorre essa relação com a produtividade para alcançar os melhores níveis de eficiência em um mundo onde os resultados são a chave do sucesso.

A norma ISO 14000 trata da “gestão ambiental”, estabelecendo o que uma organização deve fazer para minimizar os impactos ambientais causados ​​por suas atividades e melhorar o seu desempenho ambiental.

O que é ISO 14000?

ISO 14000 é um conjunto de padrões internacionais projetado para ajudar as organizações a operar sem afetar negativamente o meio ambiente. É um conjunto de padrões de gestão ambiental que estabelece como as organizações podem integrar considerações ambientais em suas operações e processos de produção. As normas ISO 14000 não propõem objetivos ambientais, mas fornecem às organizações as ferramentas para avaliar o impacto que suas atividades, produtos ou serviços têm no meio ambiente e encontrar a melhor maneira de minimizar esses efeitos.

Um componente vital da série de normas ISO 14000 é a ISO 14001: 2015, que especifica os requisitos para um Sistema de Gestão Ambiental (SGA) eficaz.

A ISO 14001: 2015 substituiu a ISO 14001: 2004 e foi um passo importante em direção a um padrão mais contemporâneo; aquele que responde a todos os novos desafios ambientais, que se concentra no desenvolvimento sustentável e que quer proteger o meio ambiente de danos e degradação.

O que é um sistema de gestão ambiental SGA?

Um Sistema de Gestão Ambiental (SGA) é um conjunto de processos projetados para ajudar as organizações a alcançar seus objetivos ambientais e padrões regulatórios de forma eficaz por meio de uma revisão, avaliação e melhoria constante de seu desempenho ambiental.

O próprio SGA não estabelecerá o nível de desempenho ambiental a ser alcançado, mas ajudará cada organização a atingir seus objetivos e metas. Um Sistema de Gestão Ambiental (SGA) fornecerá à sua empresa uma estrutura por meio da qual seu desempenho ambiental pode ser monitorado, controlado e aprimorado.

Um SGA eficaz deve:

–       Definir responsabilidades ambientais para todo o pessoal.

–       Identificar oportunidades para reduzir o desperdício.

–       Reduzir o risco de multas por não cumprimento da legislação ambiental.

–       Certificar-se de que todas as operações contem com procedimentos para reduzir e minimizar os seus impactos ambientais.

–       Manter um registro de um desempenho ambiental.

–       Os elementos básicos de um SGA podem incluir os seguintes (segundo o recomendado pela EPA de Estados Unidos):

– Estabelecer objetivos e metas ambientais para reduzir os impactos ambientais em cumprimento dos requisitos legais.

– Revisar os objetivos ambientais da organização.

– Estabelecer estratégias para alcançar estes objetivos e metas.

– Garantir o conhecimento e a consciência ambiental dos empregados.

Por que implementar ISO 14001:2015?

Conseguir a certificação credenciada pela ISO 14001 certamente agrega valor ao negócio de qualquer organização, incluindo redução das emissões de gases de efeito estufa e gestão racionalizada de resíduos, que, além do impacto positivo no meio ambiente, são vantagens competitivas para qualquer negócio. Por isso, a ISO 14001 é comercialmente boa, pois é uma abordagem inteligente para a viabilidade dos negócios a longo prazo. A nova versão (ISO 14001: 2015) estabelece que é dever da organização se comprometer com ações proativas de preservação do meio ambiente. Isso pode incluir questões como medidas para prevenir a poluição, uso sustentável de recursos e conservação da biodiversidade e ecossistemas locais. As empresas devem olhar para seu contexto e identificar o efeito que causam no meio ambiente. Isso implica levar em consideração novos fatores, como a volatilidade do clima, a adaptação às mudanças no meio ambiente e a disponibilidade de recursos, o que é um grande avanço, uma vez que o efeito do meio ambiente sobre a organização não estava incluído no alcance da versão anterior da norma. 

Existem muitos motivos pelos quais uma organização precisa adotar uma abordagem estratégica para melhorar seu desempenho ambiental. Aqui estão alguns deles:

Melhora o desempenho ambiental

O benefício inicial de ser uma empresa com certificação ISO 14001 significa que tem um excelente desempenho ambiental e cidadania corporativa.

Redução de desperdícios

Controlar e gerenciar os resíduos e as emissões são bons indicadores de que a sua empresa está prevenindo qualquer fonte de contaminação.

Mais rentabilidade

Ser certificado pela ISO 14001: 2015 ajuda as empresas a obter benefícios financeiros, estabelecer melhores relacionamentos com as partes interessadas, expandir para diferentes mercados e melhorar a sua reputação. Muitas empresas com alto risco de impacto ambiental podem lidar apenas com organizações certificadas.

Fomenta um melhor desempenho ambiental dos provedores

Ao interligá-los aos sistemas comerciais de sua organização, ajuda a melhorar seu desempenho ambiental.

Melhora a reputação da empresa

Os clientes e os meios de comunicação se preocupam pelos problemas ambientais e o que as empresas abordam e tratam sobre eles.

Cumprimento dos requisitos legais

Adotar uma abordagem estratégica ajuda a demonstrar o cumprimento dos requisitos regulamentares e estatutários atuais e futuros. Isso também ajuda a reduzir o risco de disputas judiciais e multas.

Requisitos ISO 14001

Os requisitos são projetados para serem aplicáveis ​​a qualquer organização, independentemente de seu tamanho, tipo ou localização. Todos os elementos da norma são obrigatórios, mas os requisitos estipulam os elementos de um SGA que devem ser cobertos. No entanto, a norma não especifica como atender a esses requisitos.

Os requisitos da ISO 14001: 2015 são divididos em 10 seções (chamadas de cláusulas ISO 14001). As três primeiras cláusulas descrevem o padrão e as cláusulas de quatro a dez enfocam os requisitos de um SGA. Revisaremos os últimos seis abaixo.

Contexto da organização

Esta seção explica os requisitos gerais para um SGA, incluindo a compreensão do contexto organizacional, as necessidades e expectativas das partes interessadas e a documentação do escopo do Sistema de Gestão Ambiental.

Liderança

Esta seção identifica o requisito de que a alta administração demonstra liderança e compromisso com o SGA e identifica as funções, responsabilidades e autoridades da organização que participará dele. A liderança também inclui a definição da Política Ambiental que será o objetivo geral do SGA. Essa política deve incluir o compromisso de prevenir a contaminação e cumprir todos os requisitos legais aos quais a empresa está sujeita.

Planejamento

Aqui a necessidade de identificar e planejar é enfatizada: como lidar com riscos e oportunidades e como os processos da organização devem interagir com o meio ambiente. Os requisitos também tratam dos requisitos legais e do estabelecimento de metas e do planejamento para alcançá-los dentro do SGA.

Apoio

Esta seção maior aborda requisitos como a avaliação da capacidade da organização, treinamento para que os trabalhadores entendam e sigam totalmente as normas ISO 14001: 2015. Também inclui áreas de monitoramento, como comunicação interna e externa.

Operação

Esta é uma seção curta, mas muito relevante porque estabelece os requisitos sobre como a empresa vai planejar o controle das operações e como vai se preparar para responder a qualquer emergência ambiental.

Avaliação do desempenho

Esta segunda seção descreve as maneiras de monitorar, medir, analisar e avaliar os processos de SGA, incluindo como a conformidade com os requisitos legais será avaliada. Um sistema de auditorias internas é necessário para garantir que o desempenho do sistema seja auditado, para identificar problemas, corrigi-los e fazer modificações. Também há requisitos sobre como a administração revisará o SGA para garantir que esteja funcionando de maneira eficaz e melhorando continuamente.

Otimização

A última seção trata dos requisitos sobre como você tratará da não conformidade com os padrões descritos na ISO 14001: 2015, as ações corretivas necessárias e as atividades de otimização necessárias. Depois de um tempo, a organização deve ser capaz de identificar um problema antes que ele ocorra.

Como obter a certificação ISO 1400:2015?

O processo de certificação padrão começa com a decisão da empresa em cumprir os requisitos da ISO 14001. Estes são usados ​​como diretrizes para implementar soluções que podem ser mantidas e aprimoradas. Uma vez que todos os requisitos sejam atendidos, os auditores líderes certificados avaliarão o SGA para concluir se ele atende aos requisitos da ISO 14001. Em caso afirmativo, a empresa recebe a certificação ISO 14001 indicando que seu SGA é aceitável. De acordo com os requisitos de certificação, o SGA estabelecido deve ser mantido e aprimorado periodicamente. O organismo de certificação estabelece, em acordo com a empresa, que isso continuará por muito tempo após a conclusão da auditoria. As auditorias de rotina verificarão os processos de otimização. Cada aspecto do sistema é revisado pelo menos uma vez durante os 2 anos. Se, após 3 anos, a empresa desejar manter a certificação ISO 14001, deverá passar por outro ciclo de recertificação.

Aqui há cinco passos chave que as organizações costumam seguir para conseguir a certificação SGA::

Passo 1: Planejamento

Qualquer organização que deseje obter a certificação ISO precisa de planejamento e preparação prévios para garantir que não desperdice esforço, dinheiro e tempo. É necessário verificar e revisar todos os dados e documentos relevantes.

Passo 2: Revise a norma ISO 14001:2015

Familiarize-se com todo o processo de certificação ISO 14001:2015. Identificar os requisitos legais e definir o alcance e os procedimentos do SGA.

Passo 3: Treinamento

Os seus empregados necessitam conhecer os objetivos do SGA e precisam saber como podem participar do processo. Portanto, é muito importante entregar treinamento sobre a compreensão das normas ISO, o desenvolvimento do sistema de gestão, o tratamento das conformidades, entre outros temas.

Passo 4: Realizar auditorias internas

Este passo é fundamental para avaliar se o SGA é eficaz ou não. Você pode utilizar listas de verificação digital ISO 14001 para ajudar a documentar e realizar um acompanhamento da melhoria dos processos.

Passo cinco: Obter a certificação

Escolha um organismo de certificação externo conhecido para que avalie o seu processo de SGA e verifique se a sua empresa cumpre com os requisitos de ISO 14001:2015.

Assuma o controle de suas ordens de serviço

Com a plataforma nº 1 para digitalizar tarefas

Você pode gostar também

Visite-nos e junte-se à Revolução Digital com DataScope

Aprenda a abandonar o papel hoje mesmo!

Sobre o autor

Sandra Melo
Sandra Melo

Compartilhe Em

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no print
Compartilhar no email

Gostou deste artigo?

Assine nosso boletim informativo e enviaremos conteúdo como este diretamente para o seu e-mail, uma vez por mês com todas as novidades.

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *